Gustavo Franco | É possível um Brasil liberal?

Tempo de leitura: < 1 minuto



No oitavo episódio da série Perspectivas 2020, Gustavo Franco fala sobre erros e acertos do governo Bolsonaro, ameaças e oportunidades para o ano, recuperação cíclica da economia, mudança de modelo econômico, com encolhimento do setor público e ampliação do papel do setor privado no processo de crescimento do Brasil, e sobre a retomada de investimento externo.

Virtù News apresenta em vídeo e podcast, entrevista com o economista Gustavo Franco. A entrevista faz parte da série Perspectivas 2020, que reúne visões de 9 dos mais argutos agentes e observadores da cena política, econômica, jurídica e educacional do Brasil. Resultados de conversas com Luiz Felipe D’Avila, criador do Virtù, os depoimentos formam um mapa do caminho inédito e seguro para quem precisa tentar entender o que o ano de 2020 guarda de desafios e oportunidades.

Gustavo Franco é economista e ex-presidente do Banco Central do Brasil. É conhecido por ter integrado a equipe responsável pela criação e implementação do Plano Real. É professor do Departamento de Economia da PUC-Rio desde 1986 e sócio da Rio Bravo Investimentos. Publicou diversos livros e escreve regularmente para jornais de grande circulação. Foi também presidente do Conselho de Governança do Instituto Millenium até 2019.

Ouça o podcast

 

Outras entrevistas

Affonso Celso Pastore | Desafios da economia
Ana Carla Abrão | A Reforma Administrativa
Ana Maria Diniz | Educação
Carlos Ari Sundfeld | Insegurança jurídica
Fabio Barbosa | Valores e governança
Gustavo Franco | É possível criar um Brasil liberal?
José Roberto Mendonça de Barros | Desafios do crescimento sustentável
Maria Cristina Pinotti | A Corrupção e o poder transformador da Sociedade
Maria Silvia Bastos | Infraestrutura e Saneamento



Compartilhe conhecimento
Tempo de leitura: < 1 minuto
Curadoria
 

Seleção diária de artigos para enriquecer a discussão da agenda positiva do País

4/12 SEXTA

  1.  NO ESTADÃO. Entrevista com Felipe Salto. Especial: Saídas para a crise fiscal. Economista defende uma fase de transição e ‘teto de gastos 2.0’ para financiar as despesas com uma eventual prorrogação do auxílio emergencial e o pagamento das vacinas.
  2. NO ESTADÃO. Luis Felipe Salomão e Daniel Carnio Costa. Revolução na insolvência empresarial. Brasil ganha sistema verdadeiramente capaz de ajudar a vencer a grave crise econômica.
  3. NO ESTADÃO. Elena Landau. Tá lá um corpo. Os anos de raiva e polarização nos fizeram perder o rumo.
  4. NO VALOR. Armando Castelar Pinheiro. O desmonte dos estímulos. Melhor forma de contrabalançar a alta esperada na demanda privada em 2021 é revertendo o estímulo fiscal dado em 2020.
  5. NA FOLHA. Bráulio Borges. Pior momento da crise ficou para trás, mas uma retomada forte do PIB não está garantida. Expansão expressiva no terceiro trimestre foi insuficiente para recuperar as perdas acumuladas na primeira metade deste ano.
  6. NA FOLHA. Ranking de qualidade de vida tem só 4 cidades do Nordeste e Norte entre 1.000 primeiras. Índice da Fiocruz que calcula desigualdade entre municípios agrega áreas de educação, renda e condições de moradia.
  7. NO O GLOBO. Míriam Leitão. Portaria tenta passar a boiada de Nabhan e legalizar grilagem.
  8. NO O GLOBO. Pedro Doria. A relação dos EUA com as bigtechs vai dominar a próxima década.
  9. NO VALOR. Yu Yongding. China pode gastar mais para crescer mais. O maior risco para a posição fiscal da China poderia vir de não gastar.

Receba a curadoria todos os dias em seu email

Compartilhe conhecimento