Tempo de leitura: < 1 minuto

O diplomata e ex-embaixador do Brasil nos Estados Unidos, Sergio Amaral, fala sobre a ordem mundial pautada pela disputa hegemônica entre EUA e China, que prejudica os esforços entre as nações necessário para resolver a pandemia, as questões ambientais e a grande recessão que se apresenta.

O embaixador aborda as características econômicas que orientam a parceria comercial Brasil-China e chama atenção para o grande paradoxo político da atualidade: o surgimento de uma nova versão de populismo em um momento no qual os países deveriam trabalhar juntos para coordenar ações e mitigar os efeitos da recessão. 

Sergio Amaral é advogado, diplomata, professor universitário e político. Foi ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior do Brasil (2001-2003) e embaixador do Brasil nos Estados Unidos (2016-2019)

Compartilhe conhecimento
Leia mais  Gustavo Franco | É possível um Brasil liberal?